A APL, SA, presentemente, conta com um quadro de pessoal estável e globalmente dimensionado à luz da estrutura departamental vigente e de acordo com as respetivas atribuições funcionais.

Admite-se, em todo o caso, que em qualquer momento possa colocar-se a necessidade de se proceder a ações pontuais de recrutamento e seleção para uma determinada área ou função específica.

Caso pretenda ser considerado em futuras oportunidades compatíveis com a sua formação e experiência profissional, preencha a ficha de candidatura e envie, acompanhada de uma carta que apresente as suas motivações para colaborar com a APL, S.A, para o e-mail rhge@portodelisboa.pt .

As candidaturas permanecerão no nosso banco de dados durante um período de 12 meses.

Nos termos do disposto no nº 1 do artº. 22º da Lei nº 10/91, de 29 de Abril, informa-se que:

  •   os dados ou parte deles podem ser processados automaticamente;
  •   é obrigatório o preenchimento de todos os campos, desde que aplicáveis;
  •   o preenchimento incorreto ou inexato, leva à exclusão do candidato;
  •   o destinatário da informação é a APL, S.A.;
  •   a finalidade consiste no recrutamento e seleção de candidato;
  •   o candidato pode aceder aos dados por si fornecidos através de requerimento  dirigido à APL, S.A.

Recrutamento e Seleção em curso

Informações sobre eventuais processos de recrutamento e seleção em curso podem ser consultadas nesta página.

Processo de recrutamento para:
 

Carreira / CargoData InícioData Fim
Oficial da Marinha Mercante (M/F)10/06/202425/06/2024

Oficial da Marinha Mercante (M/F) (2 postos)
 

A APL – Administração do Porto de Lisboa, S.A. pretende reforçar o seu quadro de pessoal, com 1 elemento a integrar na carreira de Oficial da Marinha Mercante I

A APSS – Administração dos Portos Setúbal e Sesimbra, S.A. pretende reforçar o seu quadro de pessoal, com 1 elemento a integrar na carreira de Oficial da Marinha Mercante I
 

Caracterização dos postos de trabalho:

Exercício de funções próprias da carreira de Oficial da Marinha Mercante I, conforme genericamente descrito no Anexo III da Portaria 1098/99, de 21 de dezembro, no âmbito da Direção de Segurança e Operações, e muito em particular as seguintes:

Lisboa – Perfil A

  • Promover o cumprimento das responsabilidades da autoridade portuária nas matérias relacionadas com a segurança portuária, com a segurança da navegação, com a prevenção e acompanhamento em casos de poluição marítima;
  • Assegurar a manutenção e operacionalidade dos Planos de Proteção das Instalações Portuárias de responsabilidade da APL, SA e do plano de Proteção do Porto de Lisboa;
  • Garantir a gestão e atualização do Plano de Emerência Interno do Porto de Lisboa e a coordenação das ações de intervenção no âmbito do mesmo Plano;
  • Garantir o controlo e fiscalização da movimentação das mercadorias perigosas, abastecimento e reparações em navios e realização de inspeções técnicas de segurança;
  • Assegurar a operacionalidade dos equipamentos na área da gestão de acessos, bem como da emissão do Cartão único do Porto de Lisboa;
  • Assegurar a criação e a gestão de uma base de dados com os planos de emergência das instalações portuárias.
  • Representação da autoridade portuária em matérias correlacionadas com a segurança portuária e garantir a necessária articulação com as demais entidades envolvidas neste domínio.

Setúbal – Perfil B

Segurança de Pessoas e Bens (safety)

  • Articulação APSS, SA/Autoridades Competentes/Concessionárias/Bombeiros/Proteção Civil/Capitania;
  • Manutenção do Plano de Emergência Interno (PEI);
  • Controlo de cargas perigosas (HAZMAT);
  • Planeamento e realização de treinos e exercícios;

Proteção contra Atos Ilícitos (Security)

  • Execução das tarefas atribuídas pelo Decreto-Lei nº 226/2006, de 15/11, ao Oficial de Proteção do Porto (OPP);
  • Assessoria técnica à gestão de topo no âmbito da proteção (Security);
  • Articulação APSS,SA / Capitão do Porto / Concessionários / Agências de navegação/navio/ACPTMP (DGRM) no âmbito da proteção (Security) e do Plano de Proteção do Porto;
  • Participar e promover a formação, treinos e exercícios no âmbito do Plano de Proteção do Porto;
  • Representar a APSS no âmbito da Proteção junto das demais entidades envolvidas.

Combate à poluição

  • Coordenação das operações de combate a derrames acidentais de hidrocarbonetos e outras substâncias perigosas.
  • Planeamento e participação em treinos e exercícios
  • Controlo da manutenção dos equipamentos de combate à poluição.

Requisitos Obrigatórios:

  • Licenciatura em Pilotagem
  • Formação em Oficial de Segurança (Código ISPS - Navio / Companhia / Instalação Portuária)
  • Inexistência de impedimento legal confirmada por Certificado de Registo Criminal.
  • A falta de qualquer requisito obrigatório determina a exclusão do processo

Critérios de valorização:

  • Formação em gestão portuária/marítima/logística
  • Formação avançada em proteção de Instalações Portuárias
  • Formação em Segurança da Informação Classificada
  • Mestrado no domínio da navegação
  • Experiência profissional enquanto Oficial de Proteção de Instalação Portuária (OPIP) e/ou Oficial de Proteção de Porto (OPP) – Código ISPS
  • Experiência profissional na área da consultoria Código ISPS
  • Experiência em Cibersegurança
  • Tempo de embarque como oficial-piloto da marinha mercante
  • Experiência em gestão de Operações Portuárias/Marítimas

Em caso de empate na classificação global, prefere(m) a/o(s) candidata/o(s):

1.º  do género sub-representado (feminino);
2.º  de menor idade

Método de Seleção

  1. Avaliação curricular
  2. Entrevista profissional 
  3. Exame médico de aptidão psicofísica com caráter eliminatório

Remuneração

Valor correspondente ao grau de ingresso na carreira de Oficial da Marinha Mercante I, conforme tabela própria prevista na referida Portaria 1098/99, atentas as alterações entretanto introduzidas

Resposta no prazo de 10 dias úteis, a contar da data de divulgação do presente anúncio, indicando expressamente o perfil a que se candidata (Lisboa – Perfil A, Setúbal – Perfil B ou a ambos os Perfis), para rhge@portodelisboa.pt, com a referência “Candidatura OMMI – SEG -1º e último nome”, contendo:

A.   Carta de apresentação e motivação
B.   Curriculum Vitae detalhado, com indicação dos períodos de experiência profissional relevante, e assinado
C.   Cópia, legível e rubricada pelo próprio em todas as páginas, de:
C.1.  Certificado de Habilitações com a área de especialização 
C.2.  Comprovativos da experiência profissional nas áreas valorizáveis, com indicação da correspondente duração.
C.3.  Certificados de formação nas áreas valorizáveis, com indicação da correspondente duração.

Da lista de ordenação final dos candidatos selecionados para o Perfil B (Setúbal), devidamente homologada, será constituída uma reserva de recrutamento, mantendo os candidatos a posição relativa, que será utilizada, sempre que no prazo de 18 meses, contados da data de homologação da referida lista, haja necessidade de selecionar trabalhador/a para a carreira de Oficial da Marinha Mercante - área funcional do VTS.